Avenida Nilo Peçanha, 1221 - Salas 808/809 - Bela Vista - Porto Alegre (RS)
WhatsApp - (51) 99909.6009
(51) 3898.7150

Tchau, melasma! Microagulhamento contra manchas e envelhecimento

O melasma caracteriza-se pela pigmentação irregular, preferencialmente da face, em mulheres na idade fértil. Apesar de afetar mais quem tem entre 20 e 50 anos e gestantes nos primeiros seis meses de gravidez, o problema também é assunto de homem. Quando as manchinhas surgem na gravidez, são chamadas de cloasma gravídico. A luz solar e a predisposição genética são os fatores etiológicos considerados mais importantes para a causa do melasma.

O melasma causa um impacto negativo na qualidade de vida, já que manifesta-se em áreas expostas do nosso corpo, principalmente no rosto. A maioria das manchinhas costuma sumir naturalmente, mas cerca de 1/3 dos pacientes ficam com esta herança non grata para o resto da vida. Para prevenir, o primeiro ponto é a foto proteção. O uso do protetor solar é indispensável para evitar doenças cutâneas e assim manter a saúde e beleza da pele.

microagulhamentoMICROAGULHAMENTO: TRATAMENTO GANHA POPULARIDADE CADA VEZ MAIOR

Entretanto, quando a manchinha já existe e mostra-se persistente, torna-se necessário buscar auxílio em tratamentos para a melhora desse problema. O peeling é um dos mais populares e procurados, sobretudo nesta época do ano, mas posso afirmar por experiência própria e pelo número crescente de pacientes satisfeitas com o resultado que o Microagulhamento tem se tornado imbatível contra este mal. Além de estimular o colágeno de forma fantástica, contribui muito na missão de diminuir manchas e, com o uso de ativos específicos, clarear o melasma.

dermarollerAPARELHO DA TÉCNICA: MICROAGULHAS FINAS ESTIMULAM O COLÁGENO

O microagulhamento é uma técnica que traz resultados tão impressionantes que me leva a crer tratar-se de um dos procedimentos antienvelhecimento mais absolutos. Entretanto, é imprescindível o acompanhamento profissional qualificado, para evitar danos permanentes e irreversíveis sua pele. Por isso, nada de tentar fazer em casa.

Ele estimula a produção de colágeno através da indução percutânea em um processo cicatrizante. São microagulhas, mais finas que um fio de cabelo, que formam um sistema de múltiplos microcanais fracionados, isto é, inúmeros furinhos que nem podem ser vistos a olho nu. Isso permite a máxima absorção de ativos cosméticos e obrigam a pele a produzir muito colágeno. O tratamento aumenta em 400 vezes a quantidade de colágeno na pele, e assim, rejuvenesce, combate manchas, rugas, estrias, cicatrizes e queimaduras.

Os resultados são observados após a primeira sessão de tratamento. É natural que a paciente perceba significativa melhora no combate a flacidez, manchas, cicatrizes, rugas, melanoses e problemas de pigmentação. Afinal, o microagulhamento cria mais de 500 mil canais em 5 minutos, até a derme, que é a maior obstrução à penetração de ingredientes ativos. Estes ingredientes são utilizados logo após a construção destes canais, pois estes se fecham novamente em menos de 30 minutos. Esse caminho para os cosméticos aumenta muito a eficácia dos resultados, pois podem alcançar as partes mais profundas da pele, com muito mais eficiência do que se fossem aplicados de maneira tópica.

Uma sessão de microagulhamento tem, ao todo, uma hora de duração. Porém, o procedimento dura cerca de 20 minutos. Estes 40 minutos adicionais são utilizados para a assepsia e espera pelo tempo de reação da anestesia. A terapia é constituída de três a cinco sessões.

Related Posts

Leave a reply