REFORÇANDO O SISTEMA IMUNOLÓGICO

REFORÇANDO O SISTEMA IMUNOLÓGICO

O Sistema Imunológico compreende, especificamente, timo, baço, medula e células vermelhas do sangue. É claro que existem outros órgãos que auxiliam no processo imunológico, sendo que um dos mais ativos e importantes é o intestino, seguido de fígado e rins.
O sistema imunológico fica prejudicado quando a pessoa tem uma reação inadequada a doenças, apresentando uma gripe atrás da outra, sentindo-se sempre fraca. Esses sintomas podem vir acompanhados de apatia, falta de vitalidade e energia.
Quais são os fatores que enfraquecem as funções imunológicas? Alimentação inadequada, radiação emitida pelo computador e telefone celular, poluentes químicos, pesticidas, micro-ondas, depleção da camada de ozônio, exposição exagerada ao sol, estresse.

Quais os sintomas?

  • Alergias ou sensibilidades alimentares.
  • Sentir-se cansado o tempo todo.
  • Resfriados ou gripes frequentes, mais de três (3) episódios/ano.
  • Marcas de dentes ou cortes nas laterais da língua.
  • Gânglios inchados.
  • Inflamação de garganta.
  • Emagrecimento inexplicado.
  • Dor de cabeça.
  • Dor sob a costela direita.

 

Quais as causas?

  • Deficiências nutricionais
  • Obturações dentárias de amálgama.
  • Alimentação rica em açúcar.
  • Alimentos industrializados.
  • Tabagismo.
  • Consumo excessivo de álcool.
  • Assimilação de zinco.
  • Consumo regular de água da torneira, refrigerantes e bebidas gaseificadas.
  • Estresse.
  • Frio e umidade.
  • Problemas gastrointestinais.
  • Sedentarismo.
  • Falta de sono.
  • Uso excessivo de computadores ou telefones celulares.
  • Membro da família próximo com doenças degenerativas.
  • Má alimentação.
  • Desidratação.
  • Altos níveis de homocisteína.
  • Cândida Albicans.
  • Baço preguiçoso ou função digestiva lenta.

 

Plano de ação: Fortalecer o sistema imunológico.

COMA/BEBA

  • Frutas e hortaliças, diariamente. Estes alimentos contem grande quantidade de antioxidantes. São a sua melhor defesa contra doenças e, podem ajudar a acelerar o processo de recuperação de infecções. As frutas vermelhas e roxeadas são excelentes.
  • Suco de hortaliças. As hortaliças são excelentes para fortalecer o sistema imunológico, nutrir e limpar o organismo. Experimente maçã, cenoura, beterraba, aipo, gengibre, rabanete e espinafre.
  • Água e chás de ervas. A desidratação cria letargia, dor de cabeça e aumenta a suscetibilidade a doenças. Tomar água morna, pois bebidas frias podem gerar estresse em tempo frio.
  • Castanha, que contem vitamina C, riboflavina e proteína de fácil digestão.
  • Couve, que contem fitoquímicos que aumentam a imunidade.
  • Cereais integrais. Ajudam a elevar os níveis serotonina no cérebro. Arroz integral, aveia, quinoa, trigo-sarraceno, milho miúdo devem ser incluídos na alimentação.
  • Sementes de brócolis germinadas. Quando germinam, elas estão no mais alto nível de força de vida, e por isso contem quantidade de sulforano, um poderoso antioxidante.
  • Brócolis comum, excelente para o fígado. Você precisa de uma boa função hepática para fortalecer o fígado.
  • Cogumelos reishi e shiitake. o shiitake é a variedade mais facilmente encontrada. São uma fonte natural de uma proteína que induz a resposta imunológica e mobiliza nossas defesas naturais. Protegem o corpo reduzindo as toxinas do calor criadas por dietas excessivamente ácidas. A acidez excessiva pode enfraquecer o sistema imunológico. O cogumelo shiitake é fonte do antioxidante germânio, que suporta o sistema imunológico.
  • Algas, feijão-azuki, feijão mulatinho, feijão preto, quinoa e peixes. São excelentes para os rins.

 

EVITE

  • Alimentos pesados e gordurosos. São ótimos na hora, mas acabam esgotando a sua energia, deixando-o letárgico e empanturrado. ´
  • Açúcar, carboidratos refinados, álcool e cafeína, pois suprimem o sistema imunológico e fornecem calorias vazias, sem suprir os nutrientes essenciais necessários à sua saúde.

 

Dicas extras:

  • Saia ao ar livre e tome um pouco de sol, diariamente. A luz do dia restabelece os nossos ritmos diários por meio da ação da glândula pineal. O ar fresco é excelente para elevar os níveis de oxigênio no cérebro e outros órgãos. Faça uma caminhada acelerada e balance os braços para estimular a circulação. Andar de bicicleta, correr e esquiar são excelentes para a circulação e para elevar o humor.
  • Diminua o aquecimento. O aquecimento central cria um ambiente propicia proliferação de vírus e bactérias. Movimente-se para melhorar a circulação.
  • Informe-se sobre bactérias benéficas. Os vírus prosperam no intestino quando há fermentação, por isso cuide de seu intestino, suprindo-o de bactérias benéficas. As pessoas tendem a adoecer mais facilmente quando há um desequilíbrio entre bactérias benéficas e nocivas.
  • Coma sempre alimentos crus com alimentos cozidos. As enzimas presentes nos alimentos crus ajudam fortalecer o sistema imunológico.
  • Faça drenagem linfática, para ajudar a movimentar a linfa pelo sistema linfático.
  • Massageie a pele com uma escova, suavemente, antes do banho.
  • Estimule a glândula timo. Dê leves socos na região abaixo do pescoço (10 vezes). Isso “desperta” a glândula timo. Se o timo estiver fraco, o corpo torna-se mais suscetível a problemas imunológicos.
  • Aprenda técnicas de alivio do estresse. É muito importante, ao nutrirmos os nossos órgãos de defesa imunológica mais importantes, fortaleceremos nossa resposta imunológica.
  • Faça atividade física diariamente. Ou pule numa cama elástica para cima e para baixo, durante 20 minutos, para movimentar a linfa.